FEIRA GASTRONÔMICA PALADARES DO BRASIL 2015


     No dia 05 de novembro de 2015, a Faculdade Maurício de Nassau será palco da Feira Gastronômica Paladares do Brasil que reunirá em Maceió, grandes nomes da culinária regional, em um evento aberto ao público.

    Com o tema "O país dentro do prato", a feira, que é organizada pelos alunos do 2º período do curso de Gastronomia da instituição, traz ainda uma excelente oportunidade para os alagoanos e que atuam neste mercado tão importante na geração de emprego e renda.

     A feira tem como objetivo apresentar os "Sabores do Brasil", através das suas tão diversificadas regiões, onde conceitos, hábitos e culturas do povo brasileiro estão intimamente ligados a culinária. Essa viagem gastronômica contará com palestras e oficinas de chefes renomados, exposição e venda de alimentos típicos de cada região do Brasil, e um concurso gastronômico.


     Comer é conhecer diferentes culturas. São sinais culturais transmitidos por meio do paladar, da visão, do olfato. São gostos, sensações, texturas, e toques que aguçam nossos desejos.

   Cada região brasileira possui os seus pratos típicos.

    A culinária nortista, tropical e ecológica, é acompanhada por uma grande variedade de pimentas: cajurana, mata-frade, murupi, camapu, murici, olho-de-peixe, ova de aruana, pimenta de-cheiro, e olho-de-pomba. Nessa região, consome-se muitas outras iguarias: maniçoba, caldeirada de jaraqui, pato no tucupi, tambaqui assado na brasa, cuia de tacacá, mujanguê (a famosa farofa de ovos de tartaruga), e vários tipos de tartarugas (juruá-açu, capitari, tracajá, matamatá, cabeçudo, pitiú), os cremes de bacuri e de cupuaçu.

     Da culinária nordestina fazem parte, os seguintes pratos: dobradinha (feijão branco cozinhado com bucho de boi), galinha de cabidela, mão-de-vaca, quibebe (pirão de jerimum), carne-de-sol (servida com farofa e feijão verde), peixes e crustáceos ao leite de coco, feijão e arroz ao coco, amendoim torrado e cozinhado, canjica, pamonha, munguzá, cuscuz, milho cozido e assado, acarajé, abará, caruru, vatapá, bolos de macaxeira e de mandioca, pé-de-moleque, bolo Souza Leão, umbuzada (feita com umbu, leite e açúcar), entre outros.

    Devido às características cosmopolitas do Sul e do Sudeste, é possível encontrar nessas regiões uma grande variedade de culinárias: italiana, japonesa, chinesa, coreana, vietnamita, alemã, húngara, francesa, polonesa, russa, ucraniana. A pizza e o macarrão, por exemplo, são heranças dos italianos que já foram incorporadas à alimentação de muitos brasileiros. Os italianos inventaram, inclusive, o salsichão e o espeto corrido.

    No Centro-Oeste, predominam os pratos à base de carne, devido aos grandes rebanhos. É comum o consumo de peixes de água doce, aves e caça do Pantanal, frutas do cerrado (como o pequi) e erva-mate.

    Maiores informações sobre a feira acesse um dos links abaixo: