6º FESTIVAL GASTRONÔMICO DE MONTE VERDE - MG


O Festival representa a fartura, típica da cozinha mineira, com seus contrastes entre o caipira e o cosmopolita, o estrangeiro e o tipicamente brasileiro. De 11 a 26 de abril de 2015, dezenas de restaurantes participantes, atividades formativas diversificadas e atividades culturais relacionadas ao típico Pinhão, como a Sapecada.

O Festival Gastronômico de Monte Verde - Sabores da Nossa Terra tem como principal objetivo a inserção de Monte Verde no roteiro gastronômico, dos estabelecimentos e a divulgação da importância do segmento para o destino de Monte Verde e uma oportunidade para atrair não apenas os consumidores habituais, mas principalmente novos clientes.

As atividades formativas (cursos, palestras e workshops) com chefs de cozinha, sommeliers e nutricionistas  são gratuitas e voltadas para os turistas (nos fins de semana) e para a comunidade (durante a semana). O evento contará ainda com exibições de filmes ligados à gastronomia, lançamentos editoriais e atividades culturais, como a Sapecada, herança dos tropeiros que desbravaram os país, a forma mais simples e tradicional de preparo do pinhão, com a garras de araucária, os pinhões, uma bela fogueira e modas de viola caipira.

Uma das grandes expectativas é o lançamento do livro "Por uma vida mais doce" de Danielle Noce, blogueira-doceira que virou verdadeira sensação com os vídeos no blog ICKFD (I could kill for dessert). O chef Ari Kespers, de Monte Verde, também é esperado para a abertura do evento. Além de figurar na lista dos cinqüenta melhores restaurantes do Brasil, ele acaba de lançar no Salão de Paris, o livro "Le Brèsil de Minas Gerais", juntamente com outros chefs mineiros.

O evento é realizado pela Associação Comercial de Monte Verde, Comissão de Eventos e Prefeitura de Camanducaia, o evento tem apresentação da Cia Melhoramentos. Os negócios da Cia Melhoramentos englobam editora, livraria e fibras celulósicas de alto rendimento. A Editora Melhoramentos, a frente mais conhecida, com milhares de livros publicados, foi a primeira empresa a editar um livro infantil colorido no Brasil, no início do século XX. A Melhoramentos Florestal, com gestão ecologicamente correta, planta florestas das espécies pinus e eucaliptus.